com quantos pingos se faz uma chuva?

Image result for chuva e criança correndo

 

Quem será que inventou a primeira pergunta? Isso fica matutando na minha cabeça. Parece uma goteira – pin, pin, pin – que pinga até deixar a gente bêbado (embora essa pinga não seja aquela que soluça na garrafa).

Gostaria de encontrar um livro que respondesse às minhas perguntas, mas parece que quanto mais eu leio, mais eu pergunto. Isso não parece um contrasenso?

Por exemplo, eu gosto de ler e escrever poesia. Isso começou lá na minha infância, talvez por causa da horta da minha avó que tinha margaridas e a gente não come margaridas. Embora as margaridas não fossem para a salada, elas rendiam ramalhetes e desfolhamentos lindos de se ver. Entre uma visita na horta e a cozinha da avó, comecei ‘bem-me-querer’. Mas o que isso tem a ver com poesia?

Ah, a poesia… A poesia é uma prosa curta ou a prosa é uma poesia alongada? Com quantos versos de faz um poema? Se a pessoa é boa de prosa, será que isso pode dar rima?

Coleciono uma porção de perguntas desde um tempo que não me lembro e que pode recomeçar agora. Aliás, o tempo existe mesmo ou inventamos a medida só para nos distrair com essas coisas que podem fazer algum sentido?

Entre uma e outra eu lembro da minha mãe. Eu reclamava de dor de cabeça e ela dizia que era um bom sinal. Se a dor dói como pode ser bom sinal? ‘Sinal que você tem cabeça’. ‘No entanto’, a mãe seguia, alho também tem cabeça e a dele não dói.

Brincar com as palavras e re-significar o mundo pode ser um bom caminho para assumirmos que vamos viver a vida inteirinha sem um suficiente número de respostas que se oponha ao imenso número de perguntas.

Nessa onda de perguntar sem fim, Maria Amália Camargo e Ionit Zilberman convidam para a leitura de Com quantos pingos se faz uma chuva? (Editora Ozé, de São Paulo), um livro que dá gosto de quero mais – embora a gente saiba que haverá a última página e o baú de perguntas não tenha fundo.

Image result for com quantos pingos se faz uma chuva

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s