dia mundial do livro

Tenho indicado livros para leitura aqui mesmo, semanalmente. Nunca digo mazelas dos livros porque aprendi que existe sempre um sapato velho para cada pé cansado. Registro que gosto imenso dos ditados. Mas os livros, sim, os livros não são sapatos velhos porque duram muito mais do que o solado de couro ou reciclado de pneu. Tem livro aqui em casa de 1800 e caco, e olha que minha casa num é museu. Por isso, não digo mazelas dos livros. A gente deve respeito ao que dura mais do que a gente, feito tartaruga, pedra, árvore, algumas bactérias e a memória da avó. Eu não acredito que falei de bactérias. Acaba que está tudo misturado dentro dos livros. Uma garota indefesa pode ser salva por um dragão ou coisa parecida ( e o que seria parecido com um dragão? tenha santa paciência…), quando ninguém ousaria imaginar que uma garota andaria com um tipo desses. Recebo muitos livros para minha coluna de inquietação literária, nomeada por mim como gostar de ler. Eu adorava a coleção para gostar de ler, por isso o apelido da coluna. Ganhei uma sabência com tanto tipo de livro que as pessoas me enviam pelo correio: escritores botam de tudo dentro dos livros. Macacos falantes, armários para Nárnia, coelhos neuróticos, garotos espoletas, odaliscas, elefantes brancos, rios de mel, jacaroa feiticeira etc e etc e etc. Não sei qual o segredo disso, as pessoas imaginam e botam nos livros ou os livros imaginam e botam nas pessoas. Parece o mistério do biscoito fresquinho. Um tanto complicado, mas saboroso. Certo dizer que quem começa não para-não. Livro impregna na gente igual batida do funk. Gostando ou não, a comparação me pareceu apropriada. Começa timidamente, unzinho só e ninguém vai perceber. Depois tem outro dando bobeira na estante de um amigo. Quando a gente se dá conta, tá pedindo emprestado e lendo em pé no metrô lotado. Pudera, inventamos um objeto que faz caber o mundo dentro de 100 páginas, até menos. Livro deve ser coisa daquele que a gente num diz o nome. Ou é do Divino, daí que a gente pode se viciar sem medo. O negócio é que livro é feito pra gente na medida certa da nossa necessidade de humanidade. Não dá pra dizer mazelas dos livros porque eles sempre encontram um leitor que os queira. Sempre há um. É claro que o leitor pode ficar mais exigente na busca por um livro XPTO, mas isso não faz dos outros livros menos livros. Além de tudo, os livros são voluntariosos; se algum vende muito, não significa que é a maior maravilha do universo; se ninguém conhece, também não quer dizer que não traga em si uma mina de esmeraldas. Livro é iniciação ao inesperado. A intuição do leitor vai se desenvolvendo na medida em que ele se deixa dominar. Já fiz amizade saída de livro, acredita? Uma? Não, várias. Tem gente dizendo que livro é hábito de solitário. Uma pessoa já me disse que eu estava com depressão por ler e escrever poesia. Não sabem nada do vício. Tudo bem que eu não sou compulsiva como uns tipos que dizem fazer tudo nos livros. Eu ainda prefiro comer nhoque de bolinhas sem gosto de celulose. Já li entrevista de um escritor que disse ter jogado futebol lendo livros. Parece que ele tinha problemas respiratórios. Tá que eu sou mais ou menos boazinha e tenho compaixão por crianças que brincam do lado de dentro da janela, mas – eu disse MAS – se o tal escritor tivesse lido o meloso Jardim Secreto saberia da necessidade de sair de casa e se misturar ao cheiro da grama. Nem que fosse para ser o próprio campo, não o jogador. O fato é que hoje é dia mundial do livro. Que máximo, eu adoro ler. E eu leio o que eu quero e pronto. Cada um come o que gosta, afinal.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s