vida cigana

Ouvi uma história na minha família sobre uns antepassados ciganos. Pouco se falou. Quase nada. Talvez uma mísera frase sobre eles viverem de um canto a outro, cantando para viver. Nem sei se é verdade, mas não importa; o que importa é que a possível mentira ancestral integrou meu profundo interesse em saber ser independente de onde estar…

Um povo que vaga pelo mundo atrás de não se sabe ao certo, ladrões de criancinhas, uns sujeitos sujos e trapaceiros, umas mulheres que apanham as pessoas pela mão para lhes dizer o futuro. Numa visão mais romântica, um casal de músico e dançarina, agitando uma alegre roda na praça central.

Pouco se sabe sobre os ciganos.

Florencia Ferrari, antropóloga e editora da revista Sexta Feira – Antropologia, artes e humanidades, aprofundou suas pesquisas acadêmicas na vida nômade dos ciganos e, entre os frutos do seu trabalho, reuniu em um livro, seis contos dessa vasta enigmática cultura.

As histórias de Vásya Pé-Branco, a cigana que sabia tudo, o cigano no piano, o morto que pagou sua dívida, o cigano e o gigante e São Jorge e os ciganos, estão reunidas sob título PALAVRA CIGANA, ilustrados pelo sincretismo estético de Stephan Doitschinoff, com edicação de Cosacnaify.

Um breve parênteses, não sou especialista, mas deixo registrado minha admiração a partir de uma das experiências mais felizes em exposições de arte que já tive: ver o o grafite de Stephan Doit no MASP e dar de cara com  imagens que ele produziu em uma igreja no interior do Nordeste, foi um golpe de toda boa sorte. Stephan consegue realizar o tal do profano sagrado.

Voltando ao livro de Florencia, com feliz companhia de Stephan, a obra não se restringe aos fabulosos contos selecionados, a autora incluiu um texto interessantíssimo sobre o povo cigano, desmistificando as ideias iniciais que tomamos acerca dessa gente andarilha.

A obra faz parte da coleção Mitos do Mundo que conta com mais de seis títulos, incluindo mitologia afro-brasileira, indígena, russa, judaica, indiana e inca.

Vale cada moeda de ouro… e a sorte de uma excelente leitura.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s