as mentiras do zodíaco

Se mentira tem pernas curtas, então fica fácil encontrar o mentiroso. Foi assim mesmo que Gael pensou ao ver o grupinho de pessoas na praça da igreja.

“Apesar de jovem, o rosto de Gael transparecia uma ingenuidade exagerada. Ele era mais esperto do que parecia. Menos bobo do que aparentava. Uma agradável surpresa em muitas ocasiões, e um susto desagradável em outras situações.

Por isso, quando se conscientizou do potencial daquela praça, de conseguir de uma vez só as tantas mentiras que necessitava, sorriu um sorriso estranho.

Sabia que podia se enrolar. Provocar alguma confusão, mal-estar, até separação. Era por um bom motivo.”

Se é que existe bom motivo para a mentira. Se é que se resiste a mentir um bom motivo para soltar a mentira.

Gael tem como missão colher três mentiras de cada signo do zodíaco. Num primeiro momento a gente pode pensar que mentira é mentira, seja o signo qual for. Num segundo momento, signo pode parecer uma baita mentira. Com uma análise mais minuciosa da questão, o desespero de Gael é justificável.

Começar do começo. Áries, ou o carneiro de chifres retorcidos como eu gosto de chamar. Os arianos são bastante competitivos, expansivos e faladores. Touro é tão teimoso quanto à própria figura que o representa no zodíaco. Taurinos combinam com planilhas excel e ponto final. Gêmeos tem a versatilidade combinada com a comunicação. Ou a inteligência combinada com a observação. São duos, por isso a dúvida.

A saga de Gael passa pelas características de cada signo. É preciso conhecer a vítima antes de vitimá-la. Quando o assunto é conseguir uma mentira, o que parece corriqueiro e fácil (mas pode ser questão de morte, ou de vida), o mentiroso será apanhado no seu assunto favorito, naquilo que ele se gaba ou se irrita…

Seguindo a sina astral…

Câncer, também conhecido como caranguejo, é aquele do entusiasmo. Mas com limites. Os cancerianos são regidos pela Lua, por isso eles também são de fases. O rei da selva é o Leão. Vaidoso, mimado. Experimente dar um sermão em alguém de Leão. Na sequência, virgem. E para esse signo perfeito não é preciso comentar nada além de perfeição, perfeição e perfeição. Se você quer organizar uma bagunça, procure por um virginiano. São também pouco modestos.

(Eu sei bem como é ser do signo de virgem.)

Libra é o signo da balança e, por sua vez, balança é associada com justiça. Porém, todavia, contudo… librianos pendem para o bonzinho ou para o revoltadinho.

Na conta de Gael só faltava menos que a metade desse mapa astral.

Escorpião é o signo mais intenso do zodíaco. “Isso explica o fato de serem nervosinhos e gostarem de um barraco!” A manipulação é outro de seus pontos fortes. Eles odeiam que seus segredos sejam descobertos. Outro signo é o metade humano, metade cavalo. Sagitário distribui coices e detestam ser apressados para qualquer coisa. Eu disse qualquer coisa. Capricórnio é cauteloso em todos os sentidos. “Desde conferir se a mostarda está acabando até com quem se relacionar e dar bom-dia.” São mau-humorados e isso explica muita coisa.

Quase no fim do círculo dos mentirosos, com foco aos símbolos aquáticos.

Aquário. Experimente marcar um compromisso com um aquariano. Este signo re-significa a palavra relógio. São pessoas otimistas mesmo depois de duas horas de atraso. Peixes. Finalmente. “O peixe nada. O pisciano também.” Se pretende irritar um pisciano, chame-o para uma conversa e, na sua vez de falar, não diga nada. A falta de diálogo deixa o pisciano tenso, boiando…

Gael fez um trato com uma serpente encantada. Colher três mentiras de cada signo para tornar a serpente o décimo terceiro signo do zodíaco. O êxito de Gael depende de observação, astúcia, paciência. Ele não tem muito tempo. O prêmio do seu êxito é ser devolvida a saúde do avô. Mentira com mentira, eu tomaria cuidado com serpente, afinal de contas, diz a história, que foi um bicho rastejante que baniu o homem do paraíso e levou a mulher para a condição de pecadora. Mas quando o prêmio é dar vida para quem a gente ama e está vendo partir… vale até trato com serpente!

O autor da aventura é Marcelo Jucá, um geminiano que é jornalista ou escritor, certeiro ou duvidoso, sociável ou inibido. Além de muitos outros ous seguidos pelos coices de um ascendente em sagitário. Seu livro As mentiras do zodíaco, ilustrado por Leonardo Mathias, com selo da editora Patuá, é lançado agora para um público juvenil com ganas de conquistar o mundo. Se não isso, alguma outra mentira bem plausível.

Leitura fantástica cheia de bom humor, dá um toque astral para leitores de qualquer signo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s