Monteiro Lobato


Quem não pediu uma boneca de pano para brincar? Quem não sonhou ter um amigo cientista professor? Quem não pensou encontrar saci no bambuzal?

Monteiro Lobato, paulista da Cidade de Taubaté, nascido aos 18 de abril de 1882 e falecido em 4 de julho de 1948, foi um dos mais influentes escritores brasileiros do século XX, além de editor de livros inéditos e tradutor de importantes obras. Conhecido pelas obras de literatura infantil que constitui aproximadamente metade de sua obra completa: Reinações de Narizinho (1931), Caçadas de Pedrinho (1933) e O Picapau Amarelo (1939), Monteiro Lobato é referência na educação das crianças e na formação dos que pretendem seguir a vida de escritor.

Amanhã, aniversaria nosso grande escritor e mestre da arte literária Monteiro Lobato, ainda vivo entre nós pelos sonhos poéticos que sua obra semeou em nossas infâncias, lembranças impregnadas com o cheiro doce do bolo de fubá de Tia Anastácia (assim recém saído do forno), fantasias iluminadas com as fagulhas reluzentes de pirlimpimpim.

Fica registrado meu sincero agradecimento ao Mestre Lobato num hip hip urra festivo do meu coração, olhos rasos de lágrimas.

E uma dica:

Para comemorar este aniversário, e os 80 anos da obra Reinações de Narizinho, a Biblioteca Monteiro Lobato abriga a exposição do ensaio fotográfico “80 Anos de Reinações de Narizinho”, da artista Adriana Veiga inspirado na obra do escritor, aberta desde ontem, na Rua General Jardim, 485, na Vila Buarque, São Paulo Capital, fone (11) 3256.4038. Evento gratuito.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s